Feminicídio e Anomia Social

By |2019-01-30T11:02:36+00:00janeiro 30th, 2019|Categories: Psicologia|Tags: , , , |

“Um País se faz com homens e livros” Monteiro Lobato (1882-1948); eu acrescentaria a essa frase do escritor brasileiro a palavra mulheres, para uma atualização do pensamento do século passado para o atual e a comporia assim, “Um País se constrói com homens, mulheres e livros”. Resumindo essa frase em uma palavra, seria: Educação. Para todos os membros da sociedade com as mesmas oportunidades e direitos. Isto é, equidade. Entende-se equidade social, como um conjunto de práticas que tem como objetivo derrubar todas as barreiras sociais, culturais, econômicas e políticas que impliquem em exclusão ou desigualdade. Também acrescentei a palavra construção, pois me remete à um processo que é gradual no tempo e espaço, e que toma para si, homens e mulheres, a responsabilidade do fazer, e não do “País” que se faz.

Uma nação que pretende ser “Grande”, competitiva no mercado exterior, desburocratizar o sistema, tirar o país da idade média e crescer, precisa primeiro, pensar seriamente em Educação; não há na história conhecida da humanidade, desenvolvimento sem educação de seu povo, revolução industrial sem o aprimoramento de sua mão de obra, descobertas científicas em todos os campos, sem o investimento sério e pesado na capacitação dos envolvidos no processo. Uma nação para ser grande, precisa pensar grande, precisa construir seu futuro com as bases sólidas no conhecimento, na educação formal, no incentivo à pesquisa, ao desenvolvimento intelectual e moral de nossas crianças. Na construção civil nada é mais emblemático do que a máxima: conhecemos um prédio sólido por seus